Apan inicia aulas gratuitas de vôlei em sete escolas de Blumenau

Evento entregou camisetas para estudantes nesta quinta-feira

Apan inicia aulas gratuitas de vôlei em sete escolas de Blumenau

Evento entregou camisetas para estudantes nesta quinta-feira

Redação

A iniciação esportiva implementada pela Apan e a Prefeitura de Blumenau começará em sete escolas da cidade. Para marcar o início das aulas, cinco estudantes representando as instituições receberam os uniformes nesta quinta-feira, 4, no auditório da Escola Básica Municipal (EBM) Machado de Assis.

O projeto, intitulado “Voleibol para a Vida”, foi assinado no mês de maio deste ano com o objetivo implantar polos de iniciação esportiva na modalidade de Voleibol nas Instituições de Ensino Municipais

O Acordo de Cooperação que estabelece parceria entre a Prefeitura de Blumenau por meio da Secretaria de Educação foi assinado no mês de maio deste ano com o objetivo implantar polos de iniciação esportiva na modalidade de voleibol em sete instituições de ensino.

São elas Machado de Assis, Alberto Stein, Henrique Alfarth, Pedro II, Quintino Bocaiúva, Francisco Lanser e Anita Garibaldi. A proposta é incentivar e ampliar prática de voleibol para aumentar o número de praticantes e promover a inclusão social através do esporte.

“Hoje é um dia importante para demonstrar para a comunidade que os investimentos da Prefeitura vão além das estruturas físicas, nós investimos também na saúde e na vida das nossas crianças e adolescentes através desta parceria com a Apan Vôlei, que fortalecerá a prática esportiva inicialmente em sete Instituições de Ensino. Pretendemos mais adiante ampliar essa parceria e levar o projeto a todas as Instituições de Ensino de Blumenau”, afirmou o prefeito Mário Hildebrandt.

Sobre o projeto

A Apan atenderá com o projeto mais 500 estudantes na faixa etária de 9 a 17 anos de idade, no contraturno escolar, aplicando treinamentos técnicos, táticos e físicos para desenvolver aptidões esportivas e sociais, habilidades motoras gerais e conhecimentos específicos de voleibol, como as regras e técnicas de jogo, além de incutir valores do esporte como disciplina e dedicação, incentivo ao cumprimento das regras, e primando pelo respeito aos instrutores, jogadores, árbitros, adversários e torcedores.

Além disso, o projeto também almeja aprimorar os fundamentos e os mecanismos de integração entre amigos, família, educadores e escola, através de atividades de recreação, e uma metodologia lúdica e sistematizada que possui um caráter educativo e instrutivo. O Voleibol é atualmente o segundo esporte mais popular do Brasil e uma importante ferramenta escolar para o desenvolvimento de valores para a vida dos estudantes.

Sobre a Apan

A Associação Professor Artur Novaes (Apan) recebeu esse nome em homenagem póstuma a um dos maiores incentivadores do esporte em Blumenau. Considerado o “pai do vôlei” da cidade, Artur Novaes foi um ícone do esporte estadual, responsável por conquistas em diversas modalidades, pela descoberta e pelo desenvolvimento de grandes talentos.

Em 1977, Artur começou a trabalhar na Escola Barão do Rio Branco, na área de Educação Física. Nesta época formou as primeiras equipes de vôlei, que treinavam em uma quadra de cimento, onde hoje está localizado o ginásio da Escola Barão.

Em 1984 fundou o Clube Escolar Barão do Rio Branco, passando a disputar competições regionais e estaduais de voleibol. Nos anos 90, a equipe se consolida como a principal formadora de talentos do voleibol catarinense e uma das principais do Brasil, mais de 30 atletas, de diferentes categorias das Seleções Brasileiras, passaram pelas categorias de base.

Em 1996 a equipe passa a se chamar Barão/Ceval. Em 1998 disputava sua primeira Liga Nacional. Foram seis participações na primeira divisão, sendo a última sob a denominação de Soya/Blumenau (Associação Blumenau Pró Vôlei). Em 2013, a equipe de Voleibol Masculino de Blumenau muda seu nome para Apan (Associação Professor Artur Novaes), em homenagem do seu fundador e maior incentivador.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo