Assembleia pode deflagrar greve no transporte coletivo de Blumenau

Reunião ocorre em dois horários desta segunda-feira

Assembleia pode deflagrar greve no transporte coletivo de Blumenau

Reunião ocorre em dois horários desta segunda-feira

Bianca Bertoli

Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Coletivo de Blumenau (Sindetranscol) fará uma assembleia nesta segunda-feira, 4, para definir os próximos passos da negociação da data-base. Entre os pontos que serão analisados às 9h e 15h está o de deflagrar ou não uma greve.

Nesta quinta-feira, 31, houve uma paralisação nas primeiras horas da manhã. O objetivo era forçar uma reunião com os representantes da empresa responsável pelo serviço, a BluMob. De acordo com o sindicato, entre esta quinta e sexta-feira não houve novo diálogo.

Entre as principais reivindicações estão um aumento real no salário, e não apenas o reajuste com base na inflação, a mudança de nomenclatura dos cobradores e melhorias nas condições de trabalho, como a pavimentação do pátio de ônibus do terminal Aterro.

Além disso, o sindicato pede que a data-base seja antecipada para setembro. Atualmente ela deve ocorrer no dia 1º de novembro.

Aumento na tarifa

De acordo com nota enviada pela BluMob nesta quinta-feira, 31, seria necessário aumentar a tarifa em R$ 0,22 para atender aos pedidos dos colaboradores. A empresa garantiu estar com as reuniões da negociação salarial em dia, mas, procurada pela reportagem, não se manifestou sobre o assunto nesta sexta-feira, 1º.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo