Caso Vanisse: cunhado de mulher desaparecida é preso em Indaial

Mandado de prisão foi realizado na manhã desta quarta-feira, 21

Caso Vanisse: cunhado de mulher desaparecida é preso em Indaial

Mandado de prisão foi realizado na manhã desta quarta-feira, 21

Redação

Na manhã desta quarta-feira, 21, o irmão de Isonir Venturi, principal suspeito do desaparecimento de Vanisse Helena Venturi, foi preso em Indaial.

O homem é suspeito de ter participado no desaparecimento e possível assassinato de Vanisse Helena Venturi, em Agronômica, no Alto Vale do Itajaí. 

O mandado de prisão foi cumprido pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Blumenau. Foi cumprido um mandado de busca e apreensão nos imóveis do homem. 

O suspeito foi encaminhado para o Presidío Regional de Rio do Sul, onde seu irmão, Isonir Venturi, está preso há quase um mês de forma preventiva. 

Segundo informações repassadas pelo Gaeco, foi solicitada a prorrogarão da prisão do esposo de Vanisse por mais 30 dias. Detalhes da investigação e da participação do novo suspeito no caso não foram divulgadas.

Relembre o caso

Vanisse está desaparecida desde o dia 23 de julho de 2020, em Agronômica no Vale do Itajaí. Na época do desaparecimento, o marido dela disse em depoimento que quando retornou do trabalho a esposa não estava em casa e nem seus filhos, já adolescentes, sabiam seu paradeiro.

Em fevereiro deste ano, o inquérito foi concluído e apontou que a mulher havia sido morta durante a madrugada de 22 e 23 de julho.

Leia também: 

-“Pai exemplar e excelente marido”, diz defesa de esposo de mulher desaparecida em Agronômica

-Marido de mulher que desapareceu misteriosamente é preso em Agronômica


Receba notícias direto no celular entrando nos grupos de O Município Blumenau. Clique na opção preferida:

WhatsApp | Telegram


• Aproveite e inscreva-se no canal do YouTube

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo