Homem é conduzido à delegacia pela prática ilegal de medicina veterinária, em Ascurra

Caso ocorreu na tarde desta quinta-feira

Homem é conduzido à delegacia pela prática ilegal de medicina veterinária, em Ascurra

Caso ocorreu na tarde desta quinta-feira

Redação

Um homem foi conduzido à delegacia pela prática ilegal de medicina veterinária. O caso ocorreu por volta das 17h30 desta quinta-feira, 7, em Ascurra. Além dele, o proprietário do estabelecimento também foi encaminhado à delegacia.

Após receber diversas denúncias anônimas, a Polícia Civil de Ascurra monitorou um estabelecimento e confirmou que um homem realizava atendimento de animais sem o diploma de veterinário.

Antes de realizar a abordagem, um casal foi ao estabelecimento com um filhote de cachorro da raça Bulldog Francês. Neste momento, os policiais entraram no local e flagraram o falso médico veterinário realizando o atendimento.

Ao ser questionado se tinha habilitação para atuar como médico veterinário, o homem informou que não a possuía. Após revista pelo consultório, a policia constatou que o denunciado medicava os animais e utilizava o carimbo de um médico veterinário com outro nome.

Segundo o denunciado, o dono do estabelecimento e o médico veterinário permitiam a atividade irregular que era exercida por ele. Os policias encontraram no local uma grande quantidade de medicamentos, a maioria vencidos, além de seringas, luvas cirúrgicas, carteiras de vacinação e focinheiras.

O falso médico veterinário e o dono do estabelecimento comercial foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil para a realização dos procedimentos cabíveis. Eles podem vir a responder por exercício ilegal da profissão, maus-tratos e falsidade ideológica. A responsabilidade penal do médico veterinário envolvido também será devidamente apurada.

A Vigilância Sanitária foi acionada e ficará responsável pela elaboração de relatório técnico sobre o caso.

O Conselho Regional de Medicina Veterinária de Santa Catarina receberá cópia dos autos para apurar a eventual infração administrativa do médico veterinário.

A Polícia Civil de Ascurra solicita a colaboração da comunidade com o objetivo de localizar mais vítimas do falso médico veterinário que atuava no estabelecimento.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo