Homem morre queimado após explosão do carregador de celular, no Oeste

Ele ficou internado durante cinco dias, mas não resistiu

Homem morre queimado após explosão do carregador de celular, no Oeste

Ele ficou internado durante cinco dias, mas não resistiu

Redação

O homem de 31 anos que teve 50% do corpo queimado após a explosão de um carregador de celular morreu depois de cinco dias internado no hospital. O caso aconteceu em Xanxerê, na semana passada. A morte da vítima foi confirmada no domingo, 12.

O Corpo de Bombeiros informou que o celular do homem estava carregando ao lado da cama quando de madrugada, por volta das 4h, houve uma explosão. O fogo se alastrou pelo colchão e atingiu o homem.

A vítima era cadeirante e teve dificuldades para sair da cama. Ele teve queimaduras de primeiro e segundo graus nas pernas e região da pelve. A Polícia Civil investigará o caso.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo