Instituto prepara curso superior gratuito de Ciências da Computação em Blumenau

Audiência pública para discutir o tema será promovida na sexta-feira, no campus do IFC

Instituto prepara curso superior gratuito de Ciências da Computação em Blumenau

Audiência pública para discutir o tema será promovida na sexta-feira, no campus do IFC

Redação

O Instituto Federal Catarinense (IFC) Campus Blumenau promove nesta sexta-feira, 24, às 14h, uma audiência pública para discutir a implantação do curso superior de Bacharelado em Ciências da Computação.

O objetivo da consulta é ouvir a comunidade e os dirigentes de instituições públicas de educação básica da região sobre a viabilidade da proposta. Este é um dos passos necessários à efetivação do curso, que seria gratuito.

Atualmente, o campus de Blumenau, às margens da BR-470, oferta dez cursos: dois técnicos integrados ao ensino médio (Informática e Eletromecânica); dois técnicos subsequentes (Mecânica e Eletromecânica); três superiores (Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Engenharia Elétrica e Pedagogia); dois cursos de especialização na área da Educação (um com ênfase na Pequena Infância e outro com ênfase em Alfabetização); além de ser polo do Mestrado Profissional em Educação Profissional e Tecnológica em Rede Nacional.

Como é uma instituição de ensino federal, os cursos são 100% gratuitos. O estudante não paga matrícula, mensalidade ou material. A área de tecnologia da informação é uma das que mais sofre com mão de obra, mesmo em tempos de crise no mercado de trabalho da região.

Terreno doado ao IFC

A Câmara de Vereadores de Blumenau aprovou nesta terça-feira, 21, a doação de um terreno do município para o Instituto Federal Catarinense. A área, de 11,7 mil metros quadrados fica no bairro Fortaleza.

Mais notícias de Blumenau e região

Motorista de 55 anos morre após carro cair em ribanceira do bairro Progresso, em Blumenau

Bando com 10 assaltantes ataca empresa em Blumenau

Câmera registra atropelamento de homem na rua Bahia, em Blumenau

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo