Josué de Souza

Cientista social e professor, é autor do livro Religião, Política e Poder, pela EdiFurb. Escreve às terças-feiras.

“Vereadores de Blumenau decidiram antecipar a eleição de 2020”

Colunista analisa o perfil dos candidatos a deputado que representam a cidade em 2018

Josué de Souza

Cientista social e professor, é autor do livro Religião, Política e Poder, pela EdiFurb. Escreve às terças-feiras.

“Vereadores de Blumenau decidiram antecipar a eleição de 2020”

Colunista analisa o perfil dos candidatos a deputado que representam a cidade em 2018

Josué de Souza

O perfil dos candidatos a deputados de Blumenau

A presença dos atuais deputados federais em chapas majoritária do Governo de Santa Catarina, abriu a possibilidade de ascensão dos políticos da cidade, novos e atuais, para a Câmara Federal, o que mexe também na corrida para a Assembleia Legislativa Estadual.

Agora, passado o período das convenções dos partidos políticos, é possível conhecermos os candidatos da cidade de Blumenau. Conforme O Munícipio Blumenau noticiou, a cidade terá mais de 30 candidatos. Pelo menos 12 para deputado federal e 22 para deputado estadual.

Observando a nominata da cidade, podemos perceber que em algumas características os candidatos são diversificados. Porém, em outras, há algumas ausências.

Dois terços já são veteranos em eleição. Uma deputada estadual vai tentar alçar-se à Câmara Federal, dois tentarão a reeleição. Dez candidatos são vereadores da cidade. Destes, dois escolheram concorrer à Câmara Federal e oito vão se enfrentar na disputa por uma vaga na Assembleia Legislativa.

Na prática, os vereadores da nossa cidade decidiram antecipar a eleição de 2020 e testar sua popularidade entre os eleitores.

Blumenau não tem nenhum candidato a deputado federal ou estadual negro, somente um declarou-se pardo, todos os outros são brancos. A grande maioria é de homens. Teremos apenas cinco candidatas mulheres, duas para deputada federal e três para deputada estadual. Teremos ainda uma candidata transgênero. Ou seja, se Blumenau fosse um partido político ou uma coligação, não cumpriria a cláusula de reserva de vagas para candidatas mulheres.

Quanto à ocupação profissional, além dos 10 vereadores, seis candidatos são advogados, sendo a profissão mais citada, seguida de professor universitário e empresário: três cada. Fato interessante nas profissões citadas pelos candidatos é que uma candidata declarou ser datilógrafa.

A média de idade dos candidatos é de 46 anos. Há um candidato de 22 anos e dois de 67. Mas a grande maioria fica na faixa dos 45 a 55 anos. A formação acadêmica é bastante diversificada em Blumenau. Temos dois candidatos doutores, cinco mestres, sete bacharéis, dois com ensino médio completo, um com ensino fundamental e dois com fundamental incompleto.

As áreas de formação seguem de bacharel em Direito, com mais indicações, seguida por Administração. Há também dois teólogos e um gastrólogo. Chama a atenção também é que entre os candidatos que se declararam empresário, nenhum tem formação superior completa.

Que comece a disputa!

Josué de Souza escreve sempre às terças-feiras

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio