Decisão do TSE tira cadeira na Câmara dos Deputados de Ana Paula Lima

Ministro Admar Gonzaga voltou a considerar inválidos votos de outra candidata que beneficiavam a petista

Decisão do TSE tira cadeira na Câmara dos Deputados de Ana Paula Lima

Ministro Admar Gonzaga voltou a considerar inválidos votos de outra candidata que beneficiavam a petista

Redação

O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Admar Gonzaga, suspendeu na noite de quinta-feira, 13, a decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Santa Catarina, que reconheceu como válidos os votos de Ivana Laís da Conceição (PT), impugnados nestas eleições.

A informação é do blog do jornalista Marcelo Lula. A decisão do TSE ainda não foi publicada no sistema eletrônico do tribunal.

Com a manifestação de Gonzaga, Ana Paula Lima (PT), que havia se beneficiado da decisão do TRE, perde a vaga conquistada na Câmara de Deputados. Ana Paula, que não se elegeu por um voto, depende da validação dos votos de Ivana para conseguir uma cadeira na Câmara.

Agora, Ricardo Guidi (PSD), que cederia a vaga à petista, volta a ter direito à diplomação, prevista para a semana que vem. Ainda cabe recurso.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo