Livro destaca antigos anúncios e desenhos de um pioneiro da comunicação em Blumenau

Bernard Scheidemantel produziu rótulos de cerveja, caricaturas e fundou um dos primeiros jornais da cidade

Livro destaca antigos anúncios e desenhos de um pioneiro da comunicação em Blumenau

Bernard Scheidemantel produziu rótulos de cerveja, caricaturas e fundou um dos primeiros jornais da cidade

Redação

Memórias, desenhos, rótulos, história e arte. No dia 7 de abril, o blumenauense Geislon Tiago Rodrigues lança o livro Bernard Scheidemantel – A obra de um propagandista alemão na Colônia Blumenau. A obra registra parte da vida e da obra do imigrante que foi um dos precursores da comunicação no Vale do Itajaí.

Primeiro fotógrafo da cidade, ele também foi pioneiro da propaganda e fundou em 1883 um dos primeiros jornais do Vale do Itajaí, o Immigrant. Geislon tem contato com Scheidemantel desde 2006, quando descobriu o personagem durante as pesquisas de um trabalho acadêmico no Arquivo Histórico de Blumenau.

“Fiquei encantado pela visão dele de criar o próprio portfólio no ano de 1860 e de reunir ali grande parte do seu acervo de rótulos e desenhos desenvolvidos para os mais diversos segmentos”, comenta.

Com texto de apresentação e coordenação editorial da jornalista Soila Freese, projeto gráfico e capa do designer Roberto Lanznaster, o livro será lançado neste sábado, 7, na livraria BluLivro do Shopping Park Europeu, das 17h às 20h. A entrada é gratuita.

Exposições

No dia 10 de abril, parte do material histórico relacionado a Bernard Scheidemantel será exposto no Mausoléu Dr. Blumenau. Em maio, será a vez do Centro Cultural da Vila Itoupava.

Carl Bernhard Scheidemantel

Nasceu em 3 de dezembro de 1834, em Braunsdorf, localidade próxima a Merseburg, Sachsen-Anhalt, Alemanha. Veio para o Brasil em 1859 e se instalou na Colônia Blumenau na companhia dos pais, Gottfried Scheidemantel e Johanna Rosine, e do irmão Ernst.

Em 16 de fevereiro de 1862, casou-se com Agnes Müller. Scheidemantel era um exímio desenhista e bom tipógrafo. É considerado o precursor da fotografia na região do Vale do Itajaí, fazendo valiosos registros da colônia, suas atividades, pessoas e acontecimentos. Em 1883, fundou o jornal Der Immigrant, um dos mais importantes da Colônia Blumenau, que foi fechado em 6 de abril de 1891, pelo próprio Scheidemantel.

Serviço
Lançamento do livro Bernard Scheidemantel – A obra de um propagandista alemão na Colônia Blumenau, por Geislon Tiago Rodrigues
7 de abril, das 17h às 20h
Na Livraria Blulivro, Shopping Park Europeu, piso térreo
Valor do livro: R$ 24,90
Entrada gratuita e aberta à comunidade

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo