Moisés afirma pretensão de criar primeiro presídio com parceria público-privada em Blumenau

Ideia é que a cidade seja a pioneira neste tipo de parceria no sistema prisional do estado

Moisés afirma pretensão de criar primeiro presídio com parceria público-privada em Blumenau

Ideia é que a cidade seja a pioneira neste tipo de parceria no sistema prisional do estado

Cristóvão Vieira

Em vista ao 10º Batalhão da Polícia Militar, em Blumenau, o governador Carlos Moisés anunciou que pretende realizar a primeira parceria público-privada na Penitenciária Industrial de Blumenau. A ideia é que a cidade seja a pioneira neste tipo de parceria no sistema prisional do estado.

“Precisamos fazer com que o preso trabalhe, que ele tenha capacidade de voltar a sociedade a partir de sua atividade. Que ele produza para o estado para compensar sua estadia na unidade prisional, e que ao mesmo tempo aprenda profissão e saia alinhado com mercado”, afirmou Moisés em seu discurso.

O governador também oficializou o encaminhamento de ao menos 60 policiais militares para Blumenau. No início do mês, Moisés já havia citado o reforço, que faz parte dos 500 agentes que ainda precisam se formar no curso preparatório.

Além disso, foi assinado um investimento de mais R$ 300 mil para a Polícia Militar de Blumenau, que serão utilizados para reforma do prédio que foi incendiado no 10º BPM, e para a construção de uma estrutura para a formação de soldados na cidade.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo