Moradores de Blumenau vítimas de acidente na BR-470 eram mãe e filho

Eugênia e Valdomiro moravam na Nova Esperança, onde tinham um comércio

Moradores de Blumenau vítimas de acidente na BR-470 eram mãe e filho

Eugênia e Valdomiro moravam na Nova Esperança, onde tinham um comércio

Redação

Valdomiro Tavares de Oliveira, de 66 anos, e a mãe dele, Eugênia Alves de Oliveira, de 96, foram as vítimas do acidente na BR-470 no fim de tarde deste domingo, 30. O Chery vermelho que o motorista de Blumenau dirigia foi atingido por um Fox de Itajaí.

O condutor que causou o acidente estava embriagado e foi preso pela Polícia Rodoviária Federal após passar pelo hospital para atendimento médico. Ele e a carona tiveram apenas ferimentos leves. A batida aconteceu em Navegantes por volta das 17h40.

Mãe e filho eram moradores do bairro Nova Esperança. Eles haviam ido para o litoral passar o domingo na casa de parentes. Embaixo da casa dele, Valdomiro tinha um bar e mercearia. O estabelecimento amanheceu fechado e os vizinhos nem imaginaram que havia ocorrido um acidente.

O Município Blumenau

“Ele cuidava muito bem da mãe dele. Tinha um carinho enorme pela família. […] Ele sempre dizia que queria morrer antes da mãe, que não suportaria perder ela”, relatou Jane da Luz, vizinha de Valdomiro.

A amiga da família destaca o fato de que o motorista que causou o acidente estava bêbado, mostrando que a morte dos dois poderia ter sido evitada.

“E o que vai acontecer? Nada. A pessoa vai ficar impune. […] Quantos ainda vão perder a vida? Vai acontecer mais quantos acidentes assim pro pessoal colocar a mão na consciência?”, questiona.

No carro havia ainda outras três pessoas, uma delas esposa de Valdomiro. Os passageiros foram encaminhados ao hospital em estado grave, porém não correm risco de vida de acordo com os socorristas. Eugênia e Valdomiro serão sepultados em Chapecó.

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo