MP apresenta denúncia e Éverton Balbinott pode pegar até 34 anos de prisão

Promotor de Blumenau apontou os crimes de feminicídio e porte ilegal de arma, além de pedir por indenização

MP apresenta denúncia e Éverton Balbinott pode pegar até 34 anos de prisão

Promotor de Blumenau apontou os crimes de feminicídio e porte ilegal de arma, além de pedir por indenização

Bianca Bertoli

O Ministério Público apresentou à Justiça a denúncia contra Éverton Balbinott de Souza, de 30 anos. Ele é acusado de ter assassinado a designer e artista Bianca Mayara Wachholz, 29 anos, com um tiro no rosto. Bianca estava na casa dos pais, no bairro Itoupava Central, no dia 25 de julho, quando o ex-namorado invadiu a residência e a matou.

No documento enviado à 1ª Vara Criminal, o promotor Marcio Gouvêa faz um breve relato sobre o dia do crime e, ao final, denuncia Éverton por feminicídio por motivo fútil e sem condição de defesa por parte da vítima. A pena pode chegar a 30 anos de prisão.

Outro crime apontado pelo promotor é o de porte ilegal de arma, com pena que varia de dois a quatro anos, mais multa. O revólver calibre 38 que Éverton utilizou não foi encontrado. Ele disse à polícia que jogou a arma e o próprio celular no rio após o assassinato.

O Ministério Público também pede pela “fixação de valor para indenizar os prejuízos causados pela infração”. Agora, cabe ao juiz aceitar ou não a denúncia.

Mais notícias de Blumenau

Quem são os pré-candidatos de Blumenau a deputado estadual e federal

Vacinação em dia será requisito para matrícula na rede municipal de ensino

O Município Blumenau estreia colunas semanais sobre política local

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo