- O Município Blumenau - https://omunicipioblumenau.com.br -

Mulher é condenada após ameaçar ex-namorado, agredir sogro e ser racista com os enteados em Gaspar

Uma mulher foi condenada pelo Tribunal de Justiça (TJ) após ameaçar ex-namorado de morte, acertar a cabeça do ex-sogro com uma pedrara e injuriar os enteados. Os crimes ocorreram em julho de 2017, em Gaspar.

Ela acabou acertando o idoso com a pedra enquanto atirava elas na casa do ex-namorado. A ex-sogra também estava no local. Os dois filhos do ex dela estavam no local e foram chamados de “macacos”.

Nos dias seguintes, ela ameaçou o homem pelo WhatsApp, prometendo que iria prejudicar e até mesmo matar ele. Nas mensagens, ela novamente ofendia os filhos dele. Dentre as palavras proferidas por ela estavam “eu te mato a pau seu lixão” e “não me faça matar um macaco daqueles”.

Ela recorreu ao TJ após ser condenada em primeiro grau. Segundo ela, toda sentença havia sido baseada na palavra da vítima. A mulher afirmou nunca ter ofendido diretamente as crianças e pediu pela presunção da inocência dela. Entretanto, o desembargador Luiz Neri Oliveira de Souza os crimes estavam muito bem comprovados.

Ele afirmou que ela teve “nítida intenção de ofender a honra subjetiva mediante emprego de expressões pejorativas” relacionadas à cor da pele. O desembargador explicou que é irrelevante se o crime foi ou não cometido diretamente contra a vítima, pois basta que as ofensas cheguem ao seu conhecimento.

Pelos crimes de lesão corporal contra pessoa idosa, injúria racial e ameaça, ela foi condenada a dois anos, oito meses e 20 dias de reclusão, além de cinco meses e seis dias de detenção, em regime aberto. Todos os integrantes da 5ª Câmara Criminal do TJ-SC votaram pela condenação dela.


Receba notícias direto no celular entrando nos grupos de O Município Blumenau. Clique na opção preferida:

WhatsApp | Telegram


• Aproveite e inscreva-se no canal do YouTube