Polícia Civil indicia duas pessoas pela morte de homem de 57 anos em Blumenau

Sidnei Sebastião da Silva foi morto em frente ao portão de sua casa

Polícia Civil indicia duas pessoas pela morte de homem de 57 anos em Blumenau

Sidnei Sebastião da Silva foi morto em frente ao portão de sua casa

Redação

A Divisão de Investigação Criminal (DIC) da Polícia Civil de Blumenau, concluiu inquérito policial e indiciou duas pessoas pelo homicídio de Sidnei Sebastião da Silva, de 57 anos. Ele foi agredido e esfaqueado na região do tórax em frente ao portão de sua casa, na rua Pedro Kraus Senior, bairro Vorstadt. O assassinato foi no dia 25 de abril, às 19h40.

Segundo relatos de testemunhas, dois homens teriam agredido a vítima e, em seguida, fugido do local sem roubar nenhum pertence.

Segundo a Polícia Civil, o primeiro autor identificado durante as investigações foi Gilberto Laguna, de 44 anos, com quem a companheira de Sidnei havia se relacionado por mais de 20 anos. Ele disse que agiu em legítima defesa da mulher: teria desarmado a vítima, que iria agredir a mulher, e, durante a briga, golpeou Sidnei.

Ainda conforme a polícia, o autor do crime informou que o seu atual sogro, Jair da Silva Harka, 43 anos, também estaria envolvido.

Harka, por sua vez, negou qualquer participação. Disse apenas que estava junto e, ao ver os dois brigando, gritou por socorro. Como as versões de todos os depoimentos divergiam, a polícia decidiu prender os dois homens por homicídio qualificado por motivo fútil.

O inquérito policial foi encaminhado ao Fórum e os dois autores, por enquanto, devem responder em liberdade. A reportagem procurou defensores dos dos homens, mas não foi possível contatá-los até a publicação deste texto.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio