Postos têm 100 caminhões prontos para trazer combustíveis à região de Blumenau

Reunião em Florianópolis discutiu logística para cumprir liminar da Justiça Federal

Postos têm 100 caminhões prontos para trazer combustíveis à região de Blumenau

Reunião em Florianópolis discutiu logística para cumprir liminar da Justiça Federal

Evandro de Assis

Colaborou Danubia de Souza

Uma reunião em Florianópolis nesta terça-feira, 29, discutiu a organização de um grande comboio para transportar combustível aos municípios do Vale do Itajaí. O encontro, que teve a participação de autoridades estaduais, Defesa Civil e Polícia Militar, tratou do cumprimento da decisão da Justiça Federal que obriga a liberação das rodovias para os caminhões-tanque.

De acordo com o deputado estadual Jean Kuhlmann (PSD), no encontro ficou definido que Polícia Militar e Sindicato do Comércio Varejista dos Derivados de Petróleo (Sinpeb) discutiriam a logística da operação.

A medida cautelar concedida pela Justiça Federal foi solicitada por seis postos de Blumenau, mas vale para todos os estabelecimentos. A partir dela, Polícia Rodoviária Federal, Polícia Militar e Polícia Militar Rodoviária ficam obrigadas a garantir a segurança das empresas. Porém, Sinpeb e Polícia Militar ainda precisam chegar a um acordo sobre a operação de transporte.

Segundo o presidente do Sinpeb, Júlio César Zimmermann, nesta terça-feira os postos sugeriram que o combustível fosse transportado às cidades da região em comboios de 10 caminhões cada. Ao todo, haveria 100 veículos-tanque prontos para a tarefa.

Mas Polícia Militar teria recusado o auxílio, justificando que só faria escolta para serviços essenciais, como a realizada em apoio à prefeitura.

Ao longo do dia o Sinpeb buscou apoio com autoridades da Capital. À noite, surgiu a informação de que Zimmermann e o comandante do 10º Batalhão da Polícia Militar, Jefferson Schmidt, farão uma reunião às 10h desta quarta-feira.

“Só falta escolta da PM para normalizar o abastecimento nos postos de combustíveis”, disse Zimmermann.

A reportagem tentou contato com o comandante Jefferson Schmidt, mas o telefone estava desligado na noite desta terça.

Correção:
Até às 8h20 desta quarta-feira, 30, o texto afirmava que os 100 caminhões viriam para Blumenau. Na realidade a quantidade contempla toda a região do Vale do Itajaí. 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo