Prefeito de Blumenau decreta situação de emergência por causa das chuvas

Prejuízo ao patrimônio público com as chuvas na cidade chegam a R$ 5,4 milhões

Prefeito de Blumenau decreta situação de emergência por causa das chuvas

Prejuízo ao patrimônio público com as chuvas na cidade chegam a R$ 5,4 milhões

Redação

O prefeito Napoleão Bernardes reuniu a equipe de secretários diante da imprensa, no auditório da Defesa Civil de Blumenau, na tarde desta quarta-feira, 17, para tratar das chuvas. Informações da meteorologia e sobre a recuperação da cidade foram compartilhadas na reunião.

Napoleão anunciou que decretou situação de emergência na cidade. O prejuízo ao patrimônio público calculado até o momento é de R$ 5,4 milhões, sem contar os estragos na rua Araranguá, uma das mais atingidas.

“Discutimos a viabilidade ou não de decretar situação de emergência. Essa é uma análise técnica. Já é de fato uma situação de emergência”, disse.

Na abertura do encontro, Napoleão detalhou o trabalho feito pelo município desde a noite de terça-feira, quando choveu mais de 90 milímetros em alguns bairros da cidade, e divulgou números. A Defesa Civil de Blumenau fez 320 atendimentos, mais de 100 pessoas estão envolvidas na limpeza e recuperação, usando 32 máquinas.  O secretário de Defesa do Cidadão, Rodrigo Quadros, informou que apenas seis bairros de Blumenau não registraram deslizamentos. Foram mais de 80 ocorrências desse tipo.

Chuva no Progresso

A meteorologista do AlertaBlu, Francine Sacco, informou à equipe de secretários que há núcleos de chuva se formando na região do Progresso nesta tarde de quarta-feira. Outras regiões da cidade devem ter pancadas, mas nada comparado a terça-feira.

Napoleão defendeu o sistema de alerta da cidade, destacando as dificuldades de se prever enxurradas.

“Nos últimos cinco episódios de enchente tivemos precisão cirúrgica na previsão. A enchente é previsível, enxurrada, não”, disse o prefeito.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo