Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - raulsartori@omunicipio.com.br

Superintendente do DNIT em SC cai do cargo após repercussão de trecho de rodovia considerada “pior do país”

Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - raulsartori@omunicipio.com.br

Superintendente do DNIT em SC cai do cargo após repercussão de trecho de rodovia considerada “pior do país”

Raul Sartori

Caiu
As fortes imagens em redes nacionais de TV mostrando um pequeno trecho de rodoviário entre São Miguel do Oeste e Dionísio Cerqueira, como sendo a pior rodovia federal do país, teve consequência rápida: a destituição do superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) em SC, Ronaldo Carioni Barbosa, um apadrinhado do senador Jorginho Mello. Barbosa substituiu Vissilar Preto, outro apadrinhado do político.

Nenhum dos dois
Tanto Lula quanto Bolsonaro têm altas taxas de rejeição em todo país. Alguns candidatos a governador, como de Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Piauí e Tocantins, estão se afastando de ambos para conquistar os votos dos milhares de neutros. Em SC ainda não se vê um movimento suficientemente claro em tal sentido entre os pré-candidatos. Pois que pensem nisso.

Fato político
O fato político desses dias em SC aconteceu no último final de semana em Criciúma. Principal ativo eleitoral do sul de SC, como vê o experiente analista político Adelor Lessa, o prefeito da cidade, Clésio Salvaro (PSDB), passou a ser o principal cabo eleitoral de Carlos Moises na região, e deve levar junto vários prefeitos, de vários partidos. A atenção aos municípios, independentemente da cor partidária, a bandeira do governador, está provocando enormes estragos na oposição a ele.

Asfalto santo
Até com os santos Carlos Moisés está se dando bem. Lançou sábado, em Imaruí, o edital para asfaltamento dos 30 quilômetros que separam a cidade de Imarui da comunidade de São Luiz, onde fica o santuário de Albertina Berkembrock. O turismo religioso por lá está em escala crescente.

Beleza ignorada
Alguém pode responder porque as esplendidas fortalezas de Santa Cruz de Anhatomirim, de Santo Antônio de Ratones e São José da Ponta Grossa, administradas pela UFSC, não fazem parte de programas de agências de viagens? Quando se sabe que milhões de pessoas fazem questão de conhecer a mais antiga árvore que ainda sobrevive em uma praça parisiense, dá para imaginar o quanto estamos atrasados em turismo. A ironia disso é que Florianópolis possui o maior conjunto de fortalezas do Brasil.

Sem causa
Assusta o número de causas que chegam ao TJ-SC em que as supostas vítimas visam única e exclusivamente ficar ricas de um dia para outro, levando os juízes a se manifestarem nos seus votos para demonstrar os motivos que consideraram, quase que unanimemente, a fixar valores que representem efetiva reparação de dano moral, sem importar enriquecimento sem causa para o lesado.

Trem da alegria
Tão escandaloso quanto ao mecanismo da transposição de cargos, que teve seu auge no governo de Luiz Henrique da Silva, beneficiando dezenas de apaniguados, agora outro trem da alegria ameaçava arrancar, mas o Ministério Público resolveu intervir: uma lei complementar estadual permite unificação cargos de contador e de analista financeiro ao de auditor da Fazenda Estadual, dando o questionável direito do servidor público assumir cargo com atribuições mais complexas para o qual foi selecionado em concurso público.

Maçã pura
Monitoramento realizado por auditores fiscais federais agropecuários, iniciado em março, em maçãs da safra atual em SC e Rio Grande do Sul destinadas ao mercado externo e interno, indicam ausência de contaminação da fruta para resíduos de agrotóxicos. Das 131 coletas feitas durante a safra e analisadas, nenhuma apresentou desconformidade. Que bom.

Gol
A Udesc abriu inscrições para homens e mulheres com mais de 55 anos interessados em participar do projeto Futebol para a Terceira Idade, em Florianópolis. As práticas serão baseadas nas regras do walking football, modalidade adaptada e difundida em diversos países europeus. Dentre as principais regras, estão a proibição do contato físico e a obrigatoriedade de realizar os deslocamentos caminhando. Que sirva de referência.

Sem diferença
O que algumas instituições de ensino superior faziam, inclusive em SC, não farão mais se for sancionado projeto do Senado que proíbe a cobrança de taxas diferenciadas por curso em vestibulares, exceto na necessidade de provas de habilidades específicas. Taxas de inscrição mais elevadas abrangiam especialmente os processos seletivos dos cursos de Medicina. Um absurdo, por funcionar como mais uma barreira à participação de candidatos de baixa renda em uma profissão de elevado prestígio social.


Receba notícias direto no celular entrando nos grupos de O Município Blumenau. Clique na opção preferida:

WhatsApp | Telegram


• Aproveite e inscreva-se no canal do YouTube

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo