Saiba quanto preço da gasolina pode cair em Blumenau e região com medida de Bolsonaro

Presidente do Sinpeb comenta impacto de redução de impostos

Saiba quanto preço da gasolina pode cair em Blumenau e região com medida de Bolsonaro

Presidente do Sinpeb comenta impacto de redução de impostos

Alice Kienen

No início da semana, o presidente Jair Bolsonaro anunciou um pacote de redução de impostos sobre os combustíveis, com a promessa de baixar o preço nas bombas. O PIS/Cofins da gasolina e do etanol seria zerado pelo governo federal, enquanto os governos estaduais seriam ressarcidos caso zerassem o ICMS do diesel.

Durante a tarde desta sexta-feira, 10, o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo (Sinpeb), Julio César Zimmermann, tentou se encontrar com o governador Carlos Moisés para discutir a medida. Entretanto, uma reunião ainda deve ser agendada.

“Mesmo nós representando 22% da arrecadação do estado, ele nunca nos recebeu”, reclamou Julinho. “Mas ontem estivemos com o presidente do Fecombustíveis e conseguimos agendar uma reunião para segunda-feira com o presidente da Câmara, Arthur Lira, para incentivar a PL 18”, complementou.

O o projeto de lei (PL) 18/2022 – que estabelece um teto de 17% para o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) de combustíveis, energia elétrica, transportes e telecomunicações – já foi aprovado pelos deputados e ainda deve passar pelo Senado.

Dono de uma rede de postos de combustíveis, Julinho defende a medida de Bolsonaro e acredita que os revendedores irão repercutir a redução nas bombas. “Pode ter certeza. O que for repassado pelo governo, vai ser repassado para o cliente. A única coisa que não temos como controlar é o petróleo, que segue subindo”, acrescentou.

Quanto pode baixar?

No último levantamento da composição de preços de venda ao consumidor da Petrobras, realizado entre 29 de maio e 4 de junho, a somatória do Cide, do PIS e do Cofins representava R$ 0,69 do preço da gasolina comum

Petrobras/Reprodução

O cálculo é baseado nos preços médios do combustível da Petrobras e nos preços médios repassados ao consumidor final em todos os estados brasileiros. 

Enquanto isso, o ICMS representa em média R$ 0,82 do litro do diesel S-10. Os impostos federais já foram exonerados do combustível em março.

Petrobras/Reprodução

Dentro do plano presidencial está incluso o gás de cozinha (GLP), que também já está isento do imposto federal PIS/Cofins. Neste caso, sem o ICMS, o valor poderia reduzir até R$ 14,74.

Petrobras/Reprodução

Leia também:

– Governador deve voltar a Blumenau no fim do mês para tirar Centro de Convenções do papel
– Itamaraty confirma morte de soldado brasileiro em guerra na Ucrânia
– Prefeitura vai implantar 50 novas faixas elevadas em Blumenau; confira a lista de ruas
– VÍDEO – Depois de 30 anos, brusquense reencontra irmãs que foram separadas após adoção
– Nestlé é notificada por suposta propaganda enganosa em linha Nesfit


Receba notícias direto no celular entrando nos grupos de O Município Blumenau. Clique na opção preferida:

WhatsApp | Telegram


• Aproveite e inscreva-se no canal do YouTube

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo