Santa Catarina volta a reter vacina para garantir segunda dose

Falta de novas doses fez com que pelo menos 20 mil pessoas recebessem a 2ª dose fora do prazo

Santa Catarina volta a reter vacina para garantir segunda dose

Falta de novas doses fez com que pelo menos 20 mil pessoas recebessem a 2ª dose fora do prazo

Redação

Santa Catarina voltou a estocar doses de vacina contra a Covid-19 nesta semana para garantir a segunda aplicação do imunizante. O Estado reteve na Rede de Frio na Grande Florianópolis 34 mil das 68,4 mil doses de Coronavac que chegaram na última sexta-feira, 18. Neste domingo, 20, chegaram mais 309.250 doses da vacina da AstraZeneca/Fiocruz, que também serão armazenadas para aplicação futura.

No caso da Coronavac, o Estado interrompeu a política anterior de distribuir todo o quantitativo para 1ª dose como orientou o Ministério da Saúde em março. A falta de novas doses fez com que pelo menos 20 mil pessoas recebessem a 2ª dose fora do prazo, segundo a própria Secretaria de Estado da Saúde (SES). Santa Catarina ficou quase 40 dias sem receber lotes deste imunizante.

Para a AstraZeneca, as cargas serão retidas para aplicação da 2ª dose. A previsão da SES é distribuir os lotes somente em julho e chamar aquelas pessoas que receberam a 1ª dose em março e abril.

“Somente com a segunda dose é que as pessoas vão ficar protegidas, de forma duradoura, da doença. Portanto, é fundamental que todos aqueles que já receberam a primeira dose fiquem atentos à data correta de retorno para a aplicação da segunda dose, e não atrasem”, ressalta o superintendente de Vigilância em Saúde, Eduardo Macário.


Receba notícias direto no celular entrando nos grupos de O Município Blumenau. Clique na opção preferida:

WhatsApp | Telegram


• Aproveite e inscreva-se no canal do YouTube

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo