Sob calor e sol forte, milhares vão ao Centro de Blumenau para o desfile da Oktoberfest

Confira a galeria de fotos feita neste sábado

Sob calor e sol forte, milhares vão ao Centro de Blumenau para o desfile da Oktoberfest

Confira a galeria de fotos feita neste sábado

Bianca Bertoli

Sensação térmica de mais de 30°C, céu sem nuvens e sol, muito sol. O calor da tarde deste sábado, 12, não intimidou blumenauenses e turistas, que foram em peso à rua XV de Novembro. As milhares de pessoas tinham o mesmo objetivo: assistir ao segundo desfile da 36ª Oktoberfest.

Alguns chegaram com mais de uma hora de antecedência para garantir um bom lugar junto à grade de proteção. Além, claro, de uma sombra sob as árvores e edifícios da principal via do Centro de Blumenau. Quem não conseguiu, improvisou.

A paulista Fabiana Fadini, o marido dela e um casal de amigos compraram um guarda-sol em uma das lojas participantes do Super Sábado, ação que deixou as portas do comércio abertas até as 17h.

Os paulistas Daniela Rodrigues, Marcelo Takahashe, Fabiana Fadini e Marcelo Barros participam da festa pela terceira vez

Os quatro se abrigaram próximo ao Tunga embaixo do item recém adquirido. É a terceira vez que eles vêm à Oktoberfest Blumenau e o desfile é parada obrigatória.

“É lindo demais, divertido, empolgante. Nós temos Oktoberfest em São Paulo, mas nem se compara. Aqui a impressão é que a cidade respira isso, é cultura, tradição. Lá é apenas uma festa”, declarou Fabiana.

Diante de olhos atentos, palmas e gritos de alegria, mais de 90 grupos passaram pela XV. As crianças vez ou outra ganhavam algum agrado, como balas e pirulitos. Já os adultos erguiam os canecos na expectativa de receber um pouco de chope. Alguns tiveram sorte, outros passaram vontade.

Depois das bandas, carros oficiais, brinquedos e grupos a pé terminarem seus pequenos espetáculos, a rua XV esvaziou rapidamente – menos o trânsito, que teve congestionamento devido ao movimento.

Quem foi direto à Vila Germânica e não se planejou enfrentou fila para comprar ingresso. Perto das 19h havia apenas quatro mil bilhetes disponíveis para esta que deve ser a primeira noite de lotação nos pavilhões do Parque.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo