Traficante se inspira em seriado Breaking Bad e vai preso, em Navegantes

Ele produzia ecstasy em um laboratório na lavanderia de casa

Traficante se inspira em seriado Breaking Bad e vai preso, em Navegantes

Ele produzia ecstasy em um laboratório na lavanderia de casa

Redação

Um jovem foi preso na madrugada desta segunda-feira, 10, por tráfico de drogas. Ele também produzia ecstasy em um laboratório na lavanderia de casa. A Polícia Militar realizou a operação por volta das 2h30.

O traficante, identificado como Eloir Pedro da Silva Júnior, de 19 anos, alegou que se inspirou na série televisiva americana Breaking Bad, na qual o químico Walter White mantém um laboratório artesanal de anfetamina e fatura muito dinheiro.

A prisão ocorreu após o Pelotão de Patrulhamento Tático (PPT) de Navegantes intensificar as rondas próximo à residência de Eloir, pois ele era suspeito de vender ecstasy em festas na região e de manter um laboratório para a fabricação da droga.

O homem já havia sido abordado anteriormente, junto com outros três colegas, que afirmaram ter comprado a droga de Eloir. No entanto, na ocasião nada de ilícito foi encontrado e eles foram dispensados.

Considerando a informação, o PPT intensificou as rondas nas proximidades da residência de Eloir, suspeitando de que após a abordagem o homem iria retirar de sua casa todo o material da fabricação da droga.

Após algumas rondas, os policiais perceberam uma movimentação na garagem da casa. Quando Eloir foi colocar uma mochila dentro do veículo, a abordagem foi realizada.

Após busca veicular e pessoal, foram encontrados inúmeros potes plásticos contendo material químico (celulose, lactose, dióxido de silício, etc), seis frascos contendo 78 comprimidos de ecstasy prontos para venda, R$ 64 e um celular.

Polícia Militar/Divulgação

Na residência, os policiais foram até a lavanderia, que fica nos fundos do terreno, onde encontraram o laboratório para a produção da droga.

Foram localizados sacos ziplock limpos e outros com resquícios de materiais químicos e uma prensa artesanal de ferro. No quarto foi encontrado uma balança digital de precisão e sacos plásticos já utilizados.

Todo o material foi recolhido e encaminhado junto com o autor para a Delegacia de Polícia de Itajaí.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo