Transporte coletivo de Blumenau deve fazer novas paralisações durante esta quinta-feira

Após manifestação no Terminal do Aterro, funcionários planejam novos protestos ao longo do dia

Transporte coletivo de Blumenau deve fazer novas paralisações durante esta quinta-feira

Após manifestação no Terminal do Aterro, funcionários planejam novos protestos ao longo do dia

Bianca Bertoli

Esta quinta-feira, 1, começou com paralisação no transporte coletivo de Blumenau. Entre 6h30 e 7h30, centenas de pessoas esperaram, no Terminal do Aterro, que os ônibus voltassem a circular. Durante o protesto, o sindicato da categoria disse que novas manifestações podem ocorrer ao longo do dia em outros terminais. A organização não divulgou os horários e os bairros.

Enquanto a negociação da Convenção Coletiva dos trabalhadores com a empresa Blumob não avançar, os funcionários seguem em estado de greve e prometem fazer novas paralisações também nos próximos dias.

A pressão é para que a BluMob, concessionária do serviço, inclua no acordo coletivo da categoria cláusulas que impeçam a empresa de adotar pontos da reforma trabalhista.

“A gente espera que essa manifestação chame a atenção de alguém e que provoque essa negociação, essa mediação para nós tentarmos chegar ao fim desse impasse e resolver nossa campanha salarial desse ano”, declarou o diretor do Sindetranscol, Ari Germer.

Impasse entre Sindetranscol e BluMob
Em novembro e dezembro do ano passado as tentativas de negociações da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) entre o sindicato dos motoristas e o sindicato das empresas de ônibus de Blumenau terminaram em impasse. Como não houve consenso, cabe à Justiça do Trabalho decidir o conflito. A BluMob entrou com o pedido de dissídio coletivo e até o início de fevereiro o Sindetranscol deve apresentar a defesa. Após isso ocorrer, o julgamento é marcado.

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio