+

Golpe no WhatsApp: criminosos criam perfis falsos para extorquir familiares; saiba o que fazer

Entenda como prevenir e como agir se for vítima

Os criminosos utilizam uma imagem de perfil da vítima, geralmente retirada do WhatsApp ou redes sociais. Com um número falso, eles se passam pela vítima e solicitam dinheiro para amigos, familiares e conhecidos.

Este golpe não se trata de clonagem de WhatsApp. A vítima não deixa de ter acesso ao seu aplicativo, pois os criminosos utilizam um número diferente, com a foto da vítima, para se passar por ela.

Como prevenir?

– Ajuste a visualização da imagem da conta do WhatsApp apenas para contatos autorizados;

– Fique atento a mensagens de conhecidos ou familiares solicitando depósito e/ou transferências bancárias (ainda mais se for em nome de terceiros);

– Desconfie de contas com fotos de conhecidos, mas com números diferentes;

O que fazer?

Registrar um Boletim de Ocorrência e denunciar ao WhatsApp através do e-mail: suporte@whatsapp.com. Também é possível denunciar clicando no número do golpe, clicar no campo “Dados do contato” e clicar em “denunciar”.

Avisar familiares e conhecidos, no caso de detectar que estão utilizando seu nome para aplicar o golpe.

Se você sabe de alguém que pode estar praticando este tipo de golpe, denuncie pelo telefone 181 ou WhatsApp da Polícia Civil (48) 98844-0011 ou procure a Delegacia de Polícia mais próxima.

Caso você tenha sido vítima, procure imediatamente a Polícia Civil. Você também pode registrar o boletim de ocorrência através da Delegacia de Polícia Virtual de Santa Catarina, acessível em: delegaciavirtual.sc.gov.br/.

Conteúdo produzido com a colaboração de informações das Polícias Civis de Santa Catarina, Distrito Federal e do Rio Grande do Sul.

– Assista agora:
Rogério França: início da banda Vox 3 e inspiração para as músicas

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo