Guabiruba renova a tradição do Pelznickel a partir deste fim de semana

O temível Papai Noel do Mato atrai visitantes de todo o Estado, inclusive Blumenau

Guabiruba renova a tradição do Pelznickel a partir deste fim de semana

O temível Papai Noel do Mato atrai visitantes de todo o Estado, inclusive Blumenau

Redação

Será aberta neste fim de semana, em Guabiruba, a casa do Pelznickel, o Papai Noel do Mato. A atração resgata tradições de antigos natais da região, com móveis e gastronomia típica dos antepassados e personagens como São Nicolau, Christkindl (noiva simbolizando bondade), Farmhand (dono da casa), Sackmann (homem do saco) e os famosos pelznickels.

O local vai funcionar sexta e sábado das 19h às 22h e domingo das 16h às 20h na rua Nicolau Schaefer, 647, bairro Imigrante. A casa estará aberta também de 15 a 17 de dezembro nos mesmos horários. Uma das novidades de 2017 é o presépio vivo.

Conforme a tradição, o Pelznickel (Papai Noel Peludo, em tradução livre) aparece todo mês de dezembro para conferir se as crianças se comportaram ao longo do ano. Caracterizado com palha, folhas de bananeira, além de chifres e objetos pendurados no corpo, eles ficam no meio de uma pequena floresta aguardando os visitantes. Metem medo em alguns, arrancam risadas de outros.

“A gente gosta de fazer isso. Viveu o pelznickel quando criança e é um prazer fazê-lo agora. Tem que ser uma brincadeira. Sem gostar dessa tradição, dificilmente alguma pessoa fica nessa brincadeira”, pontua um dos organizadores, Fabiano Siegel.

O voluntário Jocimar Fischer descende de uma linhagem de pelznickel. Seu avô incorporou o personagem, seu pai também e agora ele e o irmão de 13 anos vestem as fantasias amedrontadoras.

“Aquela emoção de ver o pelznickel quando era criança e agora poder estar passando a mesma emoção, não tem palavras para descrever”, diz.

Sucesso

Milhares de pessoas passam pela praça do Pelznickel todos os anos. Visitantes de diversas cidades catarinenses, incluindo Blumenau, costumam prestigiar a atração. A Sociedade do Pelznickel, responsável por manter a tradição e organizar o evento, tem cerca de 60 voluntários e conta com o apoio financeiro da prefeitura de Guabiruba.

Prefeitura de Guabiruba/Divulgação
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio