Menino com câncer tem pedido atendido pelo Papai Noel

Gabriel Martinelli, de 10 anos, realizou o sonho de ganhar um videogame e 15 barras de chocolate para dividir com todos os amigos da sala de aula. Mas, o menino ainda aguarda o remédio para tratamento do câncer, que foi negado pelo sistema de saúde.

Menino com câncer tem pedido atendido pelo Papai Noel

Gabriel Martinelli, de 10 anos, realizou o sonho de ganhar um videogame e 15 barras de chocolate para dividir com todos os amigos da sala de aula. Mas, o menino ainda aguarda o remédio para tratamento do câncer, que foi negado pelo sistema de saúde.

Danubia de Souza

Na semana passada milhares de pessoas se comoveram com a história de Gabriel Martinelli, aluno da escola Pedro II em Blumenau. O menino de 10 anos fez um pedido inusitado na cartinha ao Papai Noel. Ele foi diagnosticado com um tumor na cabeça há oito meses e pediu ao Bom Velhinho um remédio de alto custo para tratamento do câncer:
“Oi, meu nome é Gabriel. Eu queria ganhar minha vacina. Eu tenho câncer e tenho medo de morrer…Eu queria ser curado e acabar com tudo isso”.

Depois da repercussão do caso a mãe do menino, Viviane Martinelli, conta que um representante do Governo do Estado entrou em contato com a família:

– Eles agendaram uma consulta para quinta-feira em Florianópolis. Depois de avaliar a situação do Gabriel, eu espero que eles providenciem a vacina. Pelo menos essa foi a promessa.

Enquanto o remédio não chega o menino recebeu um alento. Ele teve os dois outros pedidos realizados. Na tarde desta terça-feira o Papai Noel entregou um videogame e 15 barras de chocolate, para ele dividir com toda a turma. Os presentes foram doações da comunidade.

– Foi muito emocionante! Os olhos dele brilharam! Foi uma emoção indescritível de tanta felicidade. A mãe dele também estava presente e não cabia em si de tanta alegria. – Explica o diretor da escola, Jadir Booz.

O caso de Gabriel não tem cirurgia. Segundo os médicos, ele precisa tomar três vezes por semana uma injeção de Beta-interferon para estabilizar o tumor. O valor do tratamento é de R$ 8.500 por mês. A direção da escola fez uma vaquinha on line no site Catarse.Me (Ajude o Gabriel – Menino com Câncer) para ajudar a família. Se o Governo do Estado não liberar o medicamento, eles pretendem compra-lo o quanto antes.

– Nós queríamos agradecer todas as pessoas que estão ajudando na campanha. E nós precisamos continuar a ajudar, pois o Gabriel precisa do tratamento completo. Esse vai ser o grande presente dele de Natal! Salienta o diretor.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio