Sindetranscol fará reunião na segunda-feira para avaliar decisão judicial

Desembargador determinou que os ônibus circulem com 70% dos trabalhadores nos horários de pico em casos de paralisação ou greve

Sindetranscol fará reunião na segunda-feira para avaliar decisão judicial

Desembargador determinou que os ônibus circulem com 70% dos trabalhadores nos horários de pico em casos de paralisação ou greve

Bianca Bertoli

O sindicato dos empregados do transporte coletivo de Blumenau (Sindetranscol) fará uma reunião com a assessoria jurídica na manhã de segunda-feira, 20, para definir os próximos passos na negociação com a BluMob.

Segundo o presidente do Sidetranscol, Pradelino Moreira da Silva, nessa reunião será definido o posicionamento do sindicato quanto à exigência judicial que determinou que os ônibus circulem com 70% dos trabalhadores nos horários de pico (entre 5h/9h e 17h/21h) e 30% nos demais horários, em caso de novas paralisações ou greve no serviço.

Durante a manhã de segunda, o sindicato também decidirá se vai a Florianópolis, à tarde do mesmo dia, para a audiência de conciliação. A primeira tentativa foi na tarde desta sexta-feira, 17, à pedido do Tribunal Regional do Trabalho e com a presença do sindicato patronal da categoria (Setpesc). O Sindetranscol não compareceu. Pradelino justificou que o sindicato não foi comunicado sobre o agendamento da reunião, por isso a ausência dos representantes da categoria.

Em nota, a BluMob comunicou que a empresa e o Setpesc “esperam que o sindicato dos trabalhadores compareça nesta nova oportunidade para que, colocadas à mesa as razões das partes, seja possível que a mediação pondere-as na tentativa de finalizar a negociação”.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio