VÍDEO: Ônibus do acidente na BR-376 passa por área de escape antes de tombar

Por conta do acidente, 19 pessoas morreram e 31 ficaram feridas.

VÍDEO: Ônibus do acidente na BR-376 passa por área de escape antes de tombar

Por conta do acidente, 19 pessoas morreram e 31 ficaram feridas.

Redação

As câmeras de monitoramento da Arteris Litoral Sul flagraram o percurso realizado pelo ônibus de turismo vindo do Pará minutos antes do grave acidente que tirou a vida de 19 pessoas e deixou 31 feridas.

Conforme as imagens capturadas na BR-376, o ônibus passa por uma área de escape antes de sair da pista, bater contra a mureta concreto e tombar. No momento em que passa pela área de contenção, o veículo ocupa a pista do meio.

No percurso de descida da Serra de Guaratuba, de acordo com informações da Arteris, concessionária que administra a rodovia, há duas áreas de escape: no km 667,3 e no km 671,7. O acidente aconteceu no Km 668,7.

Segundos antes do acidente, é possível ver nas imagens, que foram aceleradas, o veículo sumindo após uma curva. Em seguida, acontece a batida.

Falha nos freios

Em depoimento na tarde de segunda-feira, 25, o motorista do ônibus, de 67 anos, disse ao delegado Cristiano Quintas, da Polícia Civil de Guaratuba, que o motivo do acidente foi uma falha nos freios do veículo.

Por conta da falha mecânica, conforme o motorista, ele não conseguiu fazer uma das curvas e o ônibus acabou batendo na mureta de concreto. Em seguida, o veículo tombou e caiu na ribanceira.

O homem ainda disse ao delegado que havia acabado de revezar com outro motorista para assumir a direção do veículo. Após depoimento, passou por teste etílico, que apontou índice zero para álcool no sangue.

Inquérito policial

Além do motorista do veículo, um dos policiais da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que prestou os primeiros socorros logo após o acidente, também foi interrogado.

De acordo com o delegado Cristiano Quintas, um inquérito policial foi aberto para investigar as causas do acidente e a regularidade da empresa de transporte do Belém do Pará. A Delegacia de Delitos de Trânsito (Dedetran) de Curitiba ficará responsável por investigar o caso.

Além disso, a perícia segue investigando se o acidente foi causado por falha mecânica ou humana.

Assista ao vídeo


Receba notícias no seu WhatsApp: basta clicar aqui para entrar no grupo do jornal

Clique aqui e inscreva-se no canal no YouTube do jornal O Município Blumenau. Vem muita novidade por aí!

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo