Assassino que matou crianças em creche de Blumenau foi até batalhão da PM para se entregar

Homem de 25 anos foi preso em flagrante

Assassino que matou crianças em creche de Blumenau foi até batalhão da PM para se entregar

Homem de 25 anos foi preso em flagrante

Marlos Glatz

O assassino que invadiu a creche Cantinho Bom Pastor, localizada na rua dos Caçadores, bairro Velha, em Blumenau, foi até o batalhão da Polícia Militar para se entregar, após cometer o crime. O homem de 25 anos foi preso em flagrante.

Até o momento, já foi confirmado quatro mortes de crianças no local. Outras pessoas foram levadas ao hospital, mas não se tem um número exato de vítimas.

O Hospital Santo Antônio recebeu quatro crianças entre zero a dois anos.

Segundo informações preliminares, o assassino invadiu a creche com um machado.

ATUALIZAÇÃO

Durante a manhã desta quarta-feira, 5, um homem de 25 anos entrou na creche Cantinho do Bom Pastor, localizado na rua Caçadores, bairro Velha, em Blumenau, e atentou contra crianças. Ele estava com um machado e matou quatro crianças, e deixou outras quatro feridas, que precisaram ser encaminhadas ao hospital.

As crianças mortas foram identificadas como Bernardo Cunha Machado, de 5 anos, Bernardo Pabst da Cunha, de 4Larissa Maia Toldo, de 7 anos, e Enzo Marchesin Barbosa, de 4.

Devido ao acontecimento, a Polícia Militar e o prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt, informaram que todas as aulas desta quarta-feira, 5, e quinta-feira, 6, de escolas municipais foram canceladas. Aulas nas universidades e escolas particulares também foram suspensas.

O evento Páscoa em Blumenau, que acontece no Parque Vila Germânica, também foi cancelado. Aulas no Pró-Família também foram canceladas. Com o cancelamento das aulas, os corredores de ônibus ficam liberados ao longo desta quarta-feira, 5.

Uma professora que estava na creche alvo de atentado, relatou alguns momentos vividos durante o crime. Em depoimento, ela conta trancou as crianças para evitar que fossem atacadas. “Aquela cena que você nunca imagina ver na vida”, disse.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o governador Jorginho Mello se pronunciaram na manhã desta quinta-feira, 5, em relação ao massacre registrado em uma creche em Blumenau.

A Polícia Militar de Blumenau e o Corpo de Bombeiros desmentiram alguns dos boatos que começaram a circular nas redes sociais, após o atentado que aconteceu na creche Cantinho Bom Pastor, localizada na rua Caçadores, bairro Velha, em Blumenau.  Segundo as informações da PM, os boatos de novos ataques em escolas em Blumenau e Região não são verdadeiros, que esse caso trata-se de um fato isolado que já está sob investigação. O assassino já foi detido e está preso. A prefeitura de Gaspar Também emitiu uma nota negando as notícias.


– Assista agora:
Dra. Desirré Bollmann relembra casos marcantes e início da carreira como juíza do trabalho

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo