Fiscal de obras da Prefeitura de Blumenau é afastado por suspeita de corrupção

Prefeitura instaurou processo administrativo para apurar a responsabilidade do servidor

Fiscal de obras da Prefeitura de Blumenau é afastado por suspeita de corrupção

Prefeitura instaurou processo administrativo para apurar a responsabilidade do servidor

Cristóvão Vieira

Um servidor da Secretaria Municipal de Planejamento Urbano (Seplan), de Blumenau, foi afastado provisoriamente enquanto é investigado por corrupção. A determinação foi assinada pelo prefeito Mário Hildebrandt (Podemos) e publicada nesta segunda-feira, 3.

A prefeitura instaurou um processo administrativo disciplinar, que será conduzido pela Terceira Comissão de Processo Administrativo de Sindicância Disciplinar. A intenção é apurar a responsabilidade deste servidor, que ocupa cargo efetivo como Fiscal de Obras e Posturas, em possível caso onde ele se valeu do cargo para tirar proveito pessoal e praticar, consequentemente, improbidade administrativa.

Ainda não há informações sobre qual teria sido a ocorrência em que este servidor se envolveu. A Prefeitura de Blumenau não se posiciona sobre processos administrativos enquanto eles ainda estão em andamento.

O afastamento e a investigação de fiscais suspeitos de corrupção têm sido, desde 2019, frequentes em Blumenau. Em maio, outro fiscal também passou a responder processo administrativo. Algumas investigações por parte da Polícia Civil também resultaram em prisões, como a de um servidor que passou a utilizar tornozeleira eletrônica após a soltura.


Ainda não está no grupo de notícias do jornal no WhatsApp? Clique aqui e entre agora mesmo.

Você tem Telegram? O jornal tem um canal de informações lá. Clique aqui e participe.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo