Motorista de aplicativo que estuprou estudante é condenado em SC

Caso aconteceu em junho de 2019

Motorista de aplicativo que estuprou estudante é condenado em SC

Caso aconteceu em junho de 2019

Redação

Um motorista de aplicativo foi condenado a cumprir oito anos de prisão, em regime semiaberto, pelo estupro de uma estudante em Florianópolis, capital de Santa Catarina. Crime aconteceu na madrugada de 30 de junho de 2019.

A decisão foi da juíza Érica Lourenço de Lima Ferreira, titular da 3ª Vara Criminal da comarca da Capital. “É preciso dar um basta neste comportamento ultrapassado de que a mulher é apenas um objeto sexual, se está disponível é porque quer, se usa roupa curta é porque está procurando, se está sozinha precisa de companhia, e todas estas ideias machistas”, pontuou a magistrada.

Por ter respondido ao processo em liberdade e comparecido a todos os seus atos, o homem poderá recorrer da sentença em liberdade. O processo tramitou em segredo de justiça.

Relembre o caso

A vítima, uma jovem estudante, estava se divertindo com os amigos quando acabou passando mal com o consumo de bebidas alcoólicas. Os amigos da vítima pediram um carro de aplicativo a fim de levá-la para casa.

O homem atendeu ao chamado e fez o transporte da vítima. Durante o trajeto, ele aproveitou do estado da vítima para tocar suas partes íntimas. Ao chegar ao endereço, carregou a jovem nos braços até o interior da casa, onde praticou a violência sexual.

No depoimento, o homem admitiu que a relação aconteceu, mas garantiu que ela foi consentida. O que foi negado pela jovem, que entrou em estado de choque após a agressão.

O depoimento do motorista foi contraditado por imagens de uma câmera de segurança, localizada na frente do endereço da estudante. O réu alegou que a estudante estava lúcida quando chegou em casa, mas a gravação mostra que ela precisou ser carregada nos braços pelo motorista.

Leia também:

Familiares pedem ajuda para encontrar mulher desaparecida em Blumenau
Resiliência empreendedora: como blumenauenses superaram a crise apostando em micro e pequenas empresas
SC tem mais de 500 células neonazistas identificadas pelo MP-SC
Filho desviava malhas de empresa do pai para financiar vício em drogas em Guabiruba
Motorista de aplicativo que estuprou estudante é condenado em Florianópolis


Receba notícias direto no celular entrando nos grupos de O Município Blumenau. Clique na opção preferida:

WhatsApp | Telegram


• Aproveite e inscreva-se no canal do YouTube

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo