Pintor, técnica de enfermagem, mãe querida: as vidas perdidas pela Covid-19 em Blumenau

Nesta quinta-feira, 25, cidade registrou sétimo falecimento pela doença

Pintor, técnica de enfermagem, mãe querida: as vidas perdidas pela Covid-19 em Blumenau

Nesta quinta-feira, 25, cidade registrou sétimo falecimento pela doença

Redação

Na última quinta-feira, 25, Blumenau chegou a sete óbitos pela Covid-19. José Carlos França Ferreira foi a mais recente vítima fatal do novo coronavírus na cidade. Aos 24 anos, ele também é o mais jovem a morrer em decorrência da doença.

A primeira morte foi registrada no dia 5 de maio. Profissional da saúde, Vanesa Neuber Salm não resistiu à doença, mesmo após ter lutado por cerca de um mês em internação na UTI. Desde então, mais seis moradores de Blumenau faleceram. Destes, apenas um homem, o sexto a falecer – que chegou a ser identificado pela reportagem do jornal O Município Blumenau – não teve seu nome divulgado, a pedido da família.

Relembre as vidas perdidas pela Covid-19 na cidade:

Vanesa Neuber Salm, de 34 anos, foi a primeira vítima da Covid-19 em Blumenau. Ela foi internada na UTI do hospital Santa Isabel no dia 7 de abril, mas faleceu no dia 5 de maio. Técnica em enfermagem, atuava no Centro de Assistência Psicossocial (Caps). Ela tinha uma doença autoimune não especificada, mas que a colocava no grupo de risco.

Arquivo pessoal

Norma Blasius, de 79 anos, morava no bairro Valparaíso. Ela contraiu Covid-19 e deu entrada no Hospital Santa Catarina no dia 3 de abril. Após 34 dias internada, faleceu no dia 7 de maio. Norma tinha comorbidades, e deixou dois filhos.

Arquivo pessoal

Alonso Pinto Maluenda, de 83 anos, foi a terceira vítima da Covid-19 em Blumenau. Ele morreu no dia 10 de maio, na UTI do Hospital Santa Catarina. Alonso estava internado desde 4 de abril.

Arquivo pessoal

Verônica Roncalho de Sousa, de 68 anos, foi a quarta vítima da Covid-19 em Blumenau. Ela estava internada no Hospital Santa Isabel, onde ficou por 20 dias, até falecer no dia 27 de maio. Segundo a Secretaria de Saúde de Blumenau, Verônica possuía outras comorbidades. Porém, não foi informado qual doença.

Arquivo pessoal

Cidary da Cruz Peters, de 80 anos, enfrentou o coronavírus após dez dias de luta na UTI, mas não resistiu e faleceu no dia 11 de junho. Sua família a descreveu como uma mãe e avó carinhosa, uma batalhadora, que jamais será esquecida. Cidary foi a quinta vítima da Covid-19 em Blumenau.

Arquivo pessoal

José Carlos França Ferreira foi a mais jovem vítima da Covid-19 em Blumenau. Aos 24 anos, ele não resistiu após 15 dias na UTI. José Carlos trabalhava como pintor. Ele tinha tuberculose, o que comprometia seus pulmões e deixou a batalha pela vida ainda mais difícil. Ele faleceu no dia 25 de junho.


Ainda não está no grupo de notícias do jornal no WhatsApp? Clique aqui e entre agora mesmo.

Você tem Telegram? O jornal tem um canal de informações lá. Clique aqui e participe.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo