+

Polícia conclui inquérito sobre assassinato da blumenauense Bianca Wachholz

Fórum de Blumenau receberá o documento nesta sexta-feira

O delegado David Sarraff, da Delegacia de Polícia de Proteção à Mulher, à Criança e ao Adolescente, concluiu o inquérito sobre a morte da designer e artista Bianca Mayara Wachholz, de 29 anos. O documento, que aponta o ex-namorado dela, Éverton Balbinott de Souza, 31 anos, como autor do feminicídio, deve ser entregue ao Fórum de Blumenau nesta sexta-feira, 3.

O casal manteve um relacionamento por um ano. Cerca de um mês atrás, Bianca teria contado a uma amiga que vinha sendo agredida por Éverton. Após cerca de duas semanas separados, ele invadiu a casa dos pais da ex-namorada, no bairro Itoupava Central, e a matou com um tiro no rosto. Se condenado, a pena para o crime de feminicídio varia entre 12 e 30 anos de prisão.

A mãe de Bianca, Sônia Wachholz, presenciou o assassinato. Nesta quinta-feira, 2, ela falou pela primeira vez com jornalistas sobre o assunto:

Mais notícias de Blumenau e região

Confira o cardápio do Sabores de Santa Catarina, que começa nesta sexta, em Blumenau

Homem é preso após atacar menina de 12 anos dentro de casa, em Blumenau

Tempo firme deve voltar a Blumenau neste domingo

Prefeitura retoma obras de extensão da Via Expressa, em Blumenau

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo