Corpo é encontrado em estado de decomposição em Pomerode

Suspeita é que o corpo seja de Edésio Dubiella, de 53 anos, desaparecido desde 7 de outubro

Corpo é encontrado em estado de decomposição em Pomerode

Suspeita é que o corpo seja de Edésio Dubiella, de 53 anos, desaparecido desde 7 de outubro

Redação

Na tarde desta segunda-feira, 19, os bombeiros voluntários, Polícia Militar e Polícia Civil foram acionados após um corpo ser encontrado na rua Wilhelm Mass, no bairro Centro, em Pomerode.

Segundo os bombeiros, o corpo foi localizado em estado de decomposição em uma área de mata. Um morador da região teria ido ao local verificar após seus cachorros latindo e diversos urubus sobrevoando o local.

Ainda de acordo com os bombeiros, devido a decomposição não é possível confirmar a identidade da vitima, trabalho que ficará a cargo do Instituto Geral de Perícias (IGP).

Porém, suspeita-se que o corpo seja de Edésio Dubiella, de 53 anos, que está desaparecido desde o dia 7, por ter características e vestimentas que apontam a identificação. Além disso, o local é também na mesma região do último paradeiro conhecido de Dubiella.

Devido ao local ser de difícil acesso, foi necessário a montagem de um sistema de tirolesa para remoção do corpo do local, trabalho este que se encerrou próximo 20h.

O corpo foi recolhido e encaminhado ao IGP em Blumenau, as polícias militar e civil acompanharam a ocorrência.

Divulgação

Homem desaparecido

Edésio Dubiella, de 53 anos, está desaparecido desde o dia 7 de outubro, em Pomerode. Os familiares relataram que ele saiu de casa e partiu em direção a uma localidade com mata.

Os bombeiros de Pomerode realizaram na segunda-feira, 12, buscas na área onde ele foi visto entrando. Foram utilizadas equipes com cães e aplicação de varredura no local. Foram encontrados um tênis e uma calça jeans que os familiares confirmam ser de Edésio.

Quem souber mais informações, pode entrar em contato com o Corpo de Bombeiros Voluntários de Pomerode através do 193. Há também os contatos disponíveis 190 ou 3387-1787.


Quer receber notícias diretamente no seu celular? Clique aqui e entre no grupo de WhatsApp do jornal

Prefere ficar bem informado pelo Telegram? O jornal tem um canal de notícias lá. Clique aqui para participar

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo